Dose Diária de Inveja: Taxi Driver [Gift set – Japão]

5
223

Um filme clássico e cultuado. Uma obra memorável de Martin Scorsese, acompanhado pelo grande amigo e ator predileto, Robert De Niro, além de uma então estreante menina chamada Jodie Foster. Geralmente reconhecido por crítica e público como um dos melhores filmes de todos os tempos, Taxi Driver é, sem dúvida, uma produção impactante, com uma crítica contundente à sociedade americana dos anos 1970, que ainda vivia uma sombria realidade pós-Guerra do Vietnã.

E é justamente este clássico o alvo de nossa garbosa DDI. Entretanto, não poderemos tomar um táxi para viajarmos ao nosso destino.

JAPÃO

O filme foi uma produção da Columbia Pictures. E agora está em pré-venda, na terra do Tetsuo Narikawa, uma edição especial, em alusão aos 90 anos do estúdio.

Teremos o filme em alta definição, com trilhas de áudio em inglês e japonês (ambas DTS-HD Master Audio 5.1). Dificilmente teremos opções em nosso idioma. Como conteúdos extras, a edição trará comentários em áudio, featurettes de bastidores, vídeos comparativos de cenas filmadas e storyboards, galerias de fotos e trailers, entre outros.

Mas nossos amigos nipônicos mostram uma vez mais que não sabem brincar. Na terra do sushi, a edição será composta pelo filme (enluvado) e pôster. E algo mais…

Certamente, o maior destaque desta edição fica para a réplica oferecida (que o esperto leitor já percebeu o que é): uma miniatura do táxi dirigido por Travis Bickle durante o filme.

Esta edição japonesa será lançada em 3 de setembro, com preço de 11,617 Ienes (algo em torno de R$ 253). É uma pena que nossos amigos nipônicos também não sabem brincar com o preço. Ou talvez seja uma pena viver em um país com altos impostos, taxas adicionais, edições com pouco apelo colecionável, etc. E a inveja só aumenta…

Enquanto isso, naquele país da fantasia, onde até o preço de uma corrida de táxi é mais do que criticável…

BRASIL

Aqui no Brasil Varonil, já temos o filme em Blu-ray, em edição simples, com os mesmos conteúdos extras, além de dublagem e legendas em nosso idioma. A edição é competente, nada mais do que isso. Certamente um clássico do cinema merece mais. Mas não é assim que se pensa no país tropical…

Enfim, que fiquem os conterrâneos do Kurosawa com o táxi deles. Estamos muito bem por aqui. Não precisamos de edições colecionáveis ou qualquer outra coisa do gênero…

[Via: Fórum Hi-Def Ninja]

Link direto para a edição na Amazon.jp