Vídeo revela como funciona o setor GEEK da Amazon Brasil

0
1204

Os queridos amigos do site Pipoca & Nanquim publicaram um vídeo no mês de março (não é novo, mas tá valendo) sobre os bastidores da Amazon Brasil no setor de quadrinhos. Eles entrevistaram o líder de categoria de mídia, Mario Meirelles, que revelou alguns detalhes a respeito do setor de livros e games, além de falar um pouco de como a Amazon Brasil trata as demandas que chegam até eles sobre novas categorias etc.

Ficamos sabendo também que a Amazon Brasil desenvolveu, por força do hábito de consumo brasileiro, uma programação para pagamento de boletos e parcelamento de compras, já que em nenhuma outra Amazon do mundo isso existe. Mas agora, após a demanda brasileira, esse recurso está disponível pra qualquer loja da Amazon no mundo que queira implementar.

O BJC talvez tenha sido o primeiro site brasileiro a se tornar parceiro da Amazon dos EUA e da própria Amazon Brasil, na sua estreia em 2012. E começamos lá em 2008, oferecendo a loja americana como alternativa para comprarmos edições que nunca chegaram aqui. Ninguém entende como, depois de 7 anos, a loja brasileira ainda não oferece essa categoria para os brasileiros.

Fica a expectativa que, a partir da crise que se abateu sobre a Saraiva e a Livraria Cultura/FNAC, a Amazon Brasil ocupe o vácuo varejista no campo dos filmes e séries em mídia física. Tanto os grandes estúdios quando empresas locais estão ficando sem alternativas para vender seus produtos, e a Amazon Brasil me parece a única saída viável para que esse quadro possa ser revertido. Além disso, imaginem as caprichadas pré-vendas de Blu-rays com a garantia do menor preço da Amazon, ou até mesmo as Ofertas Relâmpago tendo aquele seu item tão aguardado por um preço imbatível?

Não custa nada sonhar.

Link de espera (um dia, quem sabe) para os Blu-rays na Amazon Brasil:

https://jotace.me/bd-amzbrasa